domingo, 12 de setembro de 2010

…Olhos…



Escrevo o que os olhos teimam em ver,
Mas que o coração sente,
Não os posso fechar, tem que ser,
Eles funcionam sempre atentamente.

Por muita areia na cara,
Por muito que eles tentem esconder,
O coração não pára,
De dar sinais a eles, para escolher.

Os olhos são a janela da alma,
São o que o coração não esconde,
Transmitem a dor, indiferença e por vezes a calma,
Não perguntem, “eles” sabem onde.

Afinal ele tinha que ver,
Para nos fazer reagir,
Muitas vezes sem querer,
Mas nós fazemos, não podemos apenas assistir.

Olhos que choram,
Limpam o que a agua não pode limpar,
Olhos de felicidade que até coram,
Limpam o interior, fazem acreditar.

Simplesmente espero,
Que não me “traíam” no seu ver,
Que me ilumine nos caminhos que quero,
E que me dê motivos para viver.

9 comentários:

  1. Haverá sempre um motivo para viver, sempre*

    ResponderEliminar
  2. Os olhos sempre dizem tudo ...

    Senti sua falta.
    Bjo :)

    ResponderEliminar
  3. Totalmente verdadeiro!

    Pena q algumas pessoa se tornam cegas com o tempo, e não conseguem mais ler o q os olhos falam tão claramente.

    Rs...

    ResponderEliminar
  4. os olhos falam aquilo que o coração sente, os lábios talvez não conseguem expreçar,lindo.

    ResponderEliminar
  5. Os olhos falam tanto de uma pessoa :'D

    ResponderEliminar

Gostas-te? Não deixes de comentar e seguir :) Obrigado!